Como participar do MZ

Muitas pessoas que entram em contato com os materiais do Movimento Zeitgeist, e ficam interessadas pelo conteúdo do mesmo, se perguntam: como eu posso participar ou como eu faço para ajudar nessa organização?

Talvez a resposta mais adequada seja: tudo depende do seu interesse e disponibilidade para fazer isso.

Existem várias formas de fazer parte do ativismo do MZ e o objetivo deste texto é justamente apresentar as atividades que melhor se adequam ao seu interesse.

Informando-se

Se você quer participar das discussões que envolvem o MZ, então se prepare para pesquisar bastante sobre os assuntos abordados. O conteúdo geral do Movimento envolve centenas de palestras, vídeos, apresentações, documentários, uma enorme quantidade de material escrito, uma vasta bibliografia recomendada, artigos no site e no blog e, mais recentemente, um livro que acaba de ser lançado. Toda essa quantidade de informação tem por objetivo principal mostrar a importância de adotar uma visão sistêmica de resolução de problemas e fazer com que as pessoas atualizem seu conjunto de valores à medida que entram em contato com esse material.

Você pode até se identificar com o conteúdo apresentado nos filmes da série Zeitgeist e assumir que aquilo é suficiente para iniciar uma discussão com outras pessoas. Entretanto, se você se limitar à discutir somente as informações desses filmes, talvez não vai conseguir ir muito longe quando ingressar em discussões mais detalhadas. Ou seja, é preciso informar-se constantemente e atualizar seus conhecimentos com frequência.

Divulgando

Uma vez que você toma conhecimento dos assuntos discutidos no MZ e adquire confiança suficiente para transmitir isso para outras pessoas, agora entra uma nova fase onde você pode encontrar certa rejeição por parte das pessoas que insistem em defender o sistema atual. Esta resistência à mudança, presente no comportamento de várias pessoas, é natural e bastante esperada, uma vez que nossas mentes possuem uma inclinação a preferir aquilo que é familiar à arriscar tomar uma direção diferente.

É nesse momento que o membro do MZ deve manter a paciência e não adotar a postura de querer “mudar a opinião de alguma pessoa“, mas sim apenas apresentar uma informação nova e um ponto de vista diferente, deixando o outro assimilar por conta essas informações recém recebidas.

Participando dos times

Agora se você quer realmente trabalhar em conjunto em projetos que visam acelerar a divulgação dessas informações, então você pode participar dos times do Movimento Zeitgeist. Cada time desenvolve uma função em particular que envolve a participação de vários voluntários.

Ainda são poucas as pessoas que se atentaram para o fato de que os times do MZ oferecem uma grande oportunidade de desenvolvimento pessoal (e profissional também), além de facilitar o contato com pessoas de todo o mundo. Estes grupos propiciam uma série de atividades e desafios, dentre os quais: tradução e revisão de materiais em textos e vídeos; trabalhar com edição de imagens, áudio e vídeo; desenvolvimento de páginas web e programação de sistemas; escrever artigos para o blog; gerenciar páginas no Facebook e canais no Youtube; organizar reuniões; promover eventos; entre outras práticas.

Muito mais importante do que reservar tempo para desenvolver corretamente essas atividades, é conseguir trabalhar em equipe com grupos diferentes de voluntários. Essa é uma tarefa que a maioria das pessoas não está acostumada a fazer e, às vezes, falha por completo Mesmo que o membro do MZ consiga desenvolver muito bem uma tarefa em particular, às vezes ele não consegue trabalhar eficientemente em grupo, não consegue se comunicar com os outros voluntários, ou mesmo não tem experiência em elaborar projetos que não fiquem apenas no papel.

E se o propósito maior do movimento é desenvolver uma sociedade onde se valoriza a eficiência e se recompensa o trabalho em equipe, então é fundamental que os membros dessa organização consigam desenvolver essa capacidade de trabalhar em conjunto e de forma eficiente, o que é justamente o oposto do praticado pela sociedade de hoje, que prioriza competição e esforços individuais.

Participando dos grupos regionais

Comparado à outras organizações, o MZ ainda não possui um histórico muito extenso de projetos realizados à nível local, devido justamente ao seu pouco tempo de existência. É certo que existem alguns capítulos regionais que já contabilizam algumas dezenas de eventos,  mas mesmo assim ainda não se estabeleceu um protocolo bem definido de práticas e métodos que assegurem o bom andamento em todas as reuniões. A melhor documentação a esse respeito hoje é o Guia de Capítulos, que é leitura obrigatória para todas as pessoas que se dispuseram a organizar atividades em seus capítulos. De qualquer forma, nunca é demais lembrar que é necessário ter o máximo de atenção e paciência ao realizar essas atividades. Já que estamos incentivando a participação de outras pessoas, devemos sempre prezar pela organização, pontualidade e eficiência nesses eventos.

O mais importante: faça!faca

Você não tem que ficar esperando pela iniciativa de outras pessoas, nem ficar idealizando o desenvolvimento de projetos que envolvam uma grande quantidade de voluntários. Se precisar, comece sozinho e aos poucos tente reunir pessoas em torno do que está fazendo. Desenvolva projetos que utilizem as habilidades que você possui agora e utilize desses mesmos projetos para aprender novas habilidades.

À medida que você vai ganhando experiência, as pessoas vão ganhar confiança em você, e cada vez mais pessoas vão querer participar do que você está fazendo. E lembre-se de encarar tudo o que você faz com a visão de projetos: tudo precisa ter um propósito, um início, uma execução e uma conclusão (em breve lançaremos um artigo que discute esse assunto).

Atenção às expectativas

Se você participa do MZ porque quer viver em cidades futuristas daqui há 5, 10 anos… talvez seja melhor repensar suas ideias do movimento. É bem fácil perceber que nenhum membro proeminente dessa organização carrega consigo esperanças tão egoístas. O que essa organização pode te oferecer é uma transformação intelectual/espiritual que você vai com certeza carregar pelo resto de sua vida, então não se apegue à expectativas envolvendo grandes realizações à curto prazo.

O maior objetivo dessa organização é tornar a si mesma irrelevante para o mundo. Enquanto isso não acontece, procure desfrutar de todas as conquistas dessa fase de transição.

You may also like...

4 Responses

  1. Juliana Garrido da Silva disse:

    Olá,

    Estou feliz de ter conhecido o Zeitgeist Brasil e quero poder fazer mais participando de algum grupo..

    Atualmente moro em São paulo no Bairro da Bela Vista e se tiver um endereço próximo a Paulista que eu possa compartilhar atividades e contribuir de alguma mameira.

    Agradeço e aguardo contato

    • Michael Marques disse:

      Oi Juliana,
      Acesse a página do MZ e navegue no mapa nacional, clicando no seu estado.
      Na parte ao lado serão listados os grupos próximos à sua cidade. Você pode entrar nesses grupos e conhecer pessoas que estão próximas a você.
      Até mais!

  2. Beto Vale disse:

    Olá! Estou interessado em conhecer as atividades e colaborar como for possível. Em Brasília existe grupo de trabalho?

    No aguardo,
    Beto Vale

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>