Precisamos de dois planetas – só temos um…

terra

Segundo a metodologia da pegada ecológica, que mede o consumo de recursos naturais e a produção de resíduos derivados das atividades humanas, a humanidade consumiu toda a capacidade natural renovável do planeta Terra, considerando o ciclo de um ano, até o dia 19 de agosto de 2014. É o chamado Dia da Sobrecarga da Terra – ou “Earth Overshoot Day”. Isso significa que os recursos naturais a serem consumidos até o fim do ano não serão repostos pela natureza.

O alerta foi bem divulgado pela mídia brasileira (como aquiaqui e aqui), mas não é novo. De fato, o overshoot day acontece mais cedo a cada ano, apresentando uma tendência crescente de piora. Esse estudo considera a capacidade de carga do planeta, que é o nível de consumo de recursos naturais que a natureza pode suportar, conforme o tempo de renovação necessário para esses recursos. Se os recursos são consumidos de forma mais rápida que a sua renovação pela natureza, eles não serão repostos, criando uma espécie de dívida com o próprio planeta.

Mantidas as atuais tendências socioeconômicas, essa situação se tornará ainda pior no futuro próximo, e exigirá mudanças cada vez mais drásticas na economia e na sociedade. Hoje, o principal fator de pressão sobre a natureza é a economia baseada em consumo, que privilegia práticas de desperdício, como a obsolescência programada, e ignora práticas sustentáveis, como a reutilização e a reciclagem.

Uma nova abordagem econômica que vise evitar um colapso sócio-ambiental deverá partir do respeito às leis naturais e das limitações impostas pela própria natureza à economia.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>